28.6.05

42 SMSs de autores vários (recebidos e/ou enviados por Quinto Galarza)

1. Dizem-me que o grupo de rufias a que chamo amigos não é crime organizado.

2.a) Palerma, otário, virgem, obliterador, andróide, queque, pistaccio, meu deus!

2.b) Porco, aborto, energúmeno, alimária, cobaia de supositório, depositório de clister, fungo de fezes em decomposição...

3. Se a homossexualidade fosse natural, Deus teria criado Adão e Ivo.

4. Andar de bicicleta é como andar de bicicleta: nunca se esquece.

5. Sílvia, a caixa boazona, vai ficar toda excitada e vai-te mostrar as mamas quando passar a linguiça pelo laser.

6. Estamos em Alto de Agruela. Estamos com frio mas já comemos.

7. Lamento informar mas... a luta continua! Bom dia.

8. A amigdalite é uma amiga com vários pontos altos.

9. Porque querem as pessoas, perante visibilidade reduzida, ver a ponta de um corno?

10. Conto contigo para comermos umas pizzas e umas frutas e ouvirmos uns discos em minha casa às 8. Até logo.

11. Verónica ficava sempre toda excitada cada vez que via o avozinho a coçar os tomates. Um dia histérica pediu para lhos coçar e foi nesse dia que xupou a 1ª pila.

12. Vanessa era uma puta de alto nível que só levava no cu por mero protocolo. Em francês sabia dizer "oui". O seu maior prazer era falar francês com a boca cheia.

13. Por vezes julgo que o fim do mundo está próximo. Em 1999 julguei que sim, mas desde aí nunca mais. É um hábito cultural.

14. Vitela ufanava-se de fazer todos os pratos.

15. Segundo o mantra Silah Sutra, os participantes são obrigados a contar os pelos púbicos 23 vezes por dia, número sagrado. Os que rapam são capados. Culturas!

16. Sábado, 22h, grande corrida galarzas. Na praça de bois dos olivais 1 ou 2, com boi convidado!

17. Já fomos à convenção de fé da igreja maná. Agora estamos no náutica.

18. Ora aí vão uns pensamentos em pleno bar rasca. 1: Os transportes públicos são privados de entendimento. 2: As romanas são esquartejadas aos 30 em circos de feras subterrâneos. O governo importa, depois, albanesas. 3: O Vaticano não é maior que um alqueiro de fé.

19. Estou na feira de comics, rpgs e cardgames. Há italianas vestidas de heidis libertinas e gajos mascarados de elfos por todo o lado.

20. Já não há couve como houve. Beijos e abraços.

21. Um doismilicinco com os 365 todos, alegria, polígonos, meias de liga e meias de leite.

22. Meus irmãos invectivaram e não bebi o isquinho, mas tive 19 a informática, até que não foi mauzinho.

23. Tarte de mousse – a orgia de chocolate.

24. Ó egídio, não te esqueças de me mandar o nº do comuna!

25.a) Camarada, a póvoa manda aquele abraço.

25.b) Amigo, nova iorque agradece e recomenda.

26. Hi. Long time no see. Still deal in leisure women? Let’s party, sugarcube.

27. Estou a achar nos Olivais e está-me a saber tão bem, meu deus.

28.a) Estive no Japão. Estás na greve?

28.b) Ó meu amigo, encontraste a scarlett johansen? Andas feito um trota-mundos!

29. I go lunch. You go lunch?

30. Cuando los barcos lleguen a ciudad / las mujeres salen e los hombres solos / bajaran a los bares / esa noche todo vale... Y sientes tu corazon / ir al ritmo desta milonga / que és la milonga del marinero y el capitan... / Fué / por esa rubia loca / que bailaba hasta el amanecer...

31.a) Camarada, o Alentejo manda-te um olá sentido.

31.b) Ó caríssimo, mil perdões pelo reply atrasado! 1 salamaleque para ti tb. E sabes que mais?

31.c) Menos mal, comprei uma trikke e ando feito radical livre. A ler comics como gente grande e a tornar-me bom cozinheiro. É o que se quer.

32. Vou chegar tarde, lá para as 9 e meia, 10 e 1 quarto, 11 e tal ou coisa assim…

33. Woo-hoo, estou a cagar na Decathlon!

34.a) Camarada, Castelo de Vide manda-te um abraço sentido.

34.b) Caro, Amesterdão manda-te uma baforada amiga.

35. Estou num restaurante italiano em Amesterdão onde os empregados são todos indianos e se ouve tom waits…

36. Los Gonzagas acabam de tomar um blog. Pela balada da noite...

Percurso e paragens do autocarro 42 em Lisboa

- Casalinho Ajuda
- R. Sítio
- R. Cruzeiro
- Lg. Ajuda (palácio)
- R. D. Vasco
- Boa Hora
- Rio Seco
- Alto Sto. Amaro
- Jardim Alto Sto. Amaro
- R. Luís Camões
- Estação Sto. Amaro
- Calvário
- R. Alcântara
- Alcântara
- Trav. Horta Navio
- R. Maria Pia / Estr. Loureiro
- R. Maria Pia
- Meia Laranja
- R. Correia Teles
- Terramotos
- Arco Carvalhão
- Cruz Almas
- Campolide
- R. Marquês Fronteira
- Palácio Justiça
- Bº Azul
- S. Sebastião
- Av. Marquês Tomar
- Saldanha / Av. Duque Ávila
- Arco Cego
- R. Visconde Santarém
- Lg. Leão
- R. Pereira Carrilho
- Pç. Chile
- R. Morais Soares
- Pç. Paiva Couceiro
- R. Morais Soares (cemitério)
- Cemitério Alto S. João
- Av. Afonso III
- Cç. Lajes
- R. D. Fuas Roupinho
- R. Madre Deus
- Igreja Madre Deus
- Ponte Xabregas
- Xabregas
- Cç. Grilo
- R. Marquês Olhão
- Bº Madre Deus
- Bº Madre Deus / Escola

23.6.05

42 Discos por editar

1. Lava-me Porco
2. Esmaga-se o Sexo de Quem?
3. O Açucar dos Outros
4. O Espírito da Coisa
5. Críticas e Abraços
6. Pânico de Ratos
7. As Mucosas Inflamadas
8. In Stadio Ultimo
9. Varíola Sifilítica
10. Furúnculos Homéricos
11. Secreções Serosas
12. Sarampo Supurante
13. Pus Ensanguentado
14. Sucos Repugnantes
15. Crateras Febris
16. Crateras Supurativas
17. Chagas Agonizantes
18. Closing Team
19. Shooting The Stars
20. Jersey's Own
21. Jenny Won't Lie
22. Happy Thunder
23. Loathed
24. Fields of Innocence
25. Clowne
26. Directors Cut
27. Going Nowhere
28. Going Nowhere Again
29. For Seasons
30. O Perfume dos Loucos
31. Paroles et Musique
32. Algemas
33. O Canto das Sardinhas
34. Deixai Vir A Mim As Criancinhas
35. A Máquina do Amor
36. Manifesto dos Ventiladores
37. O Macho Paralítico
38. O Genet é Mentira
39. Disco Novo
40. Greatest Beats
41. O Melhor de - Lados B e Raridades: Todos os Grandes Êxitos!
42. O Fim de Tudo (e o que vem depois)

42 Bandas (+ 1) que não chegaram longe

1. Posição do Missionário
2. Mariposa 28
3. Palhaços de Deus
4. Psico-Chinelos
5. Diabos da Uva
6. Strawberry Ducks
7. In Stadio Ultimo
8. Grau Zero
9. Geração Zero
10. Geração Zara
11. Geração Chocapic
12. Choque-a-Pique
13. Stray Bullets
14. BMW
15. Life After
16. Pop in the corn
17. Home
18. Osh Kosh Bgosh
19. Televiv
20. Rádio Micose
21. Putos & Lava-pés
22. De Lítio Comum
23. Ó De Mira
24. Ode Mouca
25. H de Elefante
26. Selénia e os Ninhos de Amor
27. Vicky Váporube
28. À Espera de Nina
29. A Menina Dança?
30. Conjunto de Música Moderna "Os Pandeiretas"
31. Banda de Roque da Sociedade Alegria e Cultura de Arrabaldes de Baixo
32. Matraquilhos
33. The Matrakillos
34. Be My Referee
35. On Tour
36. Stop Motion
37. Alibarzundos
38. Os Espermatozóides Suicidas
39. De Bitolas
40. Irmã Lúcia
41. The Spanish Inquisition
42. Fazendeiros do Cacique
(43. The Galarzas)

22.6.05

42 Heterónimos (nem todos) Recusados

1. Richie Mesquita
2. Eckar Cedrix
3. Joaquim Apricochete
4. Doc Koratak
5. Bonifácio Reportér
6. Marquês de Metitira
7. Conde Estável
8. Hortêncio Flor
9. Homem Basco
10. Vítor Almeno
11. Sarrabulho da Silva
12. Sebastião José Carvalho Melo
13. Salvador de Moscatel e Saavedra
14. Mestre Salvador de Saavedra e Sá
15. Carlina Joaqota
16. Ilicíade Virtopeno
17. Inspector Varejeira
18. Gregório Samsa
19. Elias Trimble
20. Olive Parker
21. Ingmar Perske
22. Viriato Teles
23. Edson Eureca
24. Elton Carvalho
25. Ayrton Monsaraz
26. Dom Honesto de Nimes
27. D. Signífero
28. Visconde de Juromenho
29. George Bailey
30. Agente Moscada
31. Al Baricoque
32. Lourenço Lamas
33. Esteves Zagalo
34. Recuerdo Morgado
35. Barão de Sentimente
36. Tim Nóni
37. José Maria de Jesus
38. Aldino Matos
39. A. Lívio
40. Dezassete dos Santos
41. Ni Cotinelli
42. Mestre Nestor Alvito

42 Gangues da Ficção

1. Punkes
2. Panques
3. Pancrácios
4. Tutónios
5. Skazeiros
6. Bicolores
7. Nanuques
8. Electricistas
9. Folqueiros
10. Friques
11. Ipes
12. Travoltas
13. Caretas
14. Foleiros
15. Nueives
16. Ramonas
17. Rocas
18. Rolas
19. Pintas
20. Vis
21. Bedlames
22. Lamas
23. Lamacentos
24. Ranhosos
25. Ronhosos
26. Renhonhós
27. Revanches
28. Revoltados
29. Reaccioneiros
30. Motorizados
31. Motosqueiros
32. Motoquistas
33. Prafrentéxes
34. Teléxes
35. Telávives
36. Farenses
37. Forênsicos
38. Chicos
39. Robóticos
40. Moscateiros
41. Urbanos
42. Kamp Onions

21.6.05

A Contar

Como se conta até quarenta e dois na língua dos timorenses (tétun):

Ida
Rua
Tolo
Hate
Lima
Nen
Ito
Ualo
Sia
Sanulo
Sanulo recin Ida
Sanulo recin Rua
Sanulo recin Tolo
Sanulo recin Hate
Sanulo recin Lima
Sanulo recin Nen
Sanulo recin Ito
Sanulo recin Ualo
Sanulo recin Sia
Ruanulo
Ruanulo recin Ida
Ruanulo recin Rua
Ruanulo recin Tolo
Ruanulo recin Hate
Ruanulo recin Lima
Ruanulo recin Nen
Ruanulo recin Ito
Ruanulo recin Ualo
Ruanulo recin Sia
Tolonulo
Tolonulo recin Ida
Tolonulo recin Rua
Tolonulo recin Tolo
Tolonulo recin Hate
Tolonulo recin Lima
Tolonulo recin Nen
Tolonulo recin Ito
Tolonulo recin Ualo
Tolonulo recin Sia
Hatenulo
Hatenulo recin Ida
Hatenulo recin Rua


Lista enviada pelo i-leitor Rui Almeida, que também nos passou uns cigarrinhos por baixo do balcão.

15.6.05

As primeiras palavras

As primeiras quarenta e duas palavras no dicionário:

1 - a, A
2 - a
3 - a
4 - a-
5 - a-
6 - a-
7 - a-
8 -
9 - à
10 - aa
11 - aacheniano
12 - aal
13 - aal
14 - Aaleniano
15 - ab-
16 - aba
17 - aba
18 - aba
19 - ababá
20 - ababalhar
21 - Ababás
22 - abacá
23 - abaçanar
24 - abacate
25 - abacateira
26 - abacateiro
27 - Abacates
28 - abacaxi
29 - Abacaxis
30 - abacelamento
31 - abacelar
32 - abacial
33 - abacinamento
34 - abacinar
35 - abacista
36 - ábaco
37 - abacto
38 - abactor
39 - abáculo
40 - abada
41 - abadágio
42 - abadar

6.6.05

42 coisas a fazer até aos 42

1. Ler o Ulisses de James Joyce

2. Reler o Ulisses de James Joyce

3. Perceber o Ulisses de James Joyce

3. Ler o Ulisses de James Joyce em grego

4. Provar escorpião frito

5. Apreender o significado do conceito «prazo de validade»

6. Comprar um computador que não funcione a carvão

7. Criar uma planta de marijuana para fins decorativos

8. Correr a maratona em prestações anuais de 7 kilómetros

9. Aprender a nadar sem flutuadores do Pato Donald

10. Roubar aos ricos para dar aos pobres

11. Rever o Robin dos Bosques com o Errol Flynn

12. Mergulhar nas águas de Madagáscar sem ser comido por tubarões

13. Saber de cor os reis de Portugal

14. E os Presidentes da República

15. Tocar saxofone sem espantar os pardais da rua

16. Fazer três directas seguidas

17. Aprender italiano

18. Passear em Roma de Vespa

19. Aprender francês

20. Passear em Paris de Vespa

21. Ver um magnífico jogo de futebol em Inglaterra

22. Acampar na Patagónia

23. E sobreviver

24. Cantar uma ária de ópera

25. De preferência da Flauta Mágica

26. Tocar saxofone sem que os vizinhos fechem as janelas

27. Fazer uma refeição só com Bifidus Activus e Aloé Vera

28. Escalar até ao topo uma árvore com 30 metros de altura

29. Reler o Barão Trepador

30. Ler todos os livros do Italo Calvino

31. Escrever um filho

32. Plantar um livro

33. Ler uma árvore

34. Cantar até que a voz me doa

35. Saber de cor todas as letras dos American Recordings do Cash

36. Comer Pato à Pequim em Pequim

37. Ver o Garganta Funda

38. Fumar um cigarro no Capitólio

39. Rever ao vivo Os Amantes do Picasso

40. Dançar o tango

41. Já agora, em Buenos Aires

42. Cumprir esta lista e fazer mais umas quantas

5.6.05

Quarenta e Dois Livros

Quarenta e dois livros que foram ou serão lidos mais dia menos dia, em forma mais ou menos aleatória:

1. A Ilíada - Homero
2. A Odisseia - Homero
3. Sexus - Henry Miller
4. O Sorriso aos Pés da Escada- Henry Miller
5. O Livro do Desassossego - Bernardo Soares
6. Metamorfose - Franz Kafka
7. Memórias do Cárcere - Graciliano Ramos
8. Noite - Érico Veríssimo
9. Seis Propostas Para o Próximo Milénio - Italo Calvino
10. Sonho de Uma Noite de Verão - William Shakespeare
11. Júlio César - William Shakespeare
12. Manual de Civilidade Para Meninas - Pierre Louÿs
13. A Insustentável Leveza do Ser - Milan Kundera
14. O Doido e a Morte - Teixeira de Pascoaes
15. A Ilha - Abel Raposo
16. Os Nus e os Mortos - Norman Mailer
17. Dez Dias Que Abalaram o Mundo - John Reed
18. Os Reis de Portugal - José Vilhena
19. O Elogio da Loucura - Erasmo
20. História de Roma - Tito Lívio
21. O Inferno - Dante Alighieri
22. Utopia - Thomas More
23. A Eneida - Virgílio
24. Retrato do Artista Quando Jovem Cão - Dylan Thomas
25. As Flores do Mal - Charles Baudelaire
26. O Teatro e o seu Duplo - Antonin Artaud
27. Heliogabalo - Antonin Artaud
28. Uma vida violenta - Pier Paolo Pasolini
29. Passaporte - Natália Correia
30. Auto dos Danados - António Lobo Antunes
31. Ulysses - James Joyce
32. A Vénus das Peles - Leopold Sacher Masoch
33. Rilkeana - Ana Hatherly
34. As Elegias de Duíno- Rainer Maria Rilke
35. Mecânico de Ovnis - Fernando Grade
36. O Homem que Matou Getúlio Vargas - Jô Soares
37. Fausto - Johann W. Goethe
38. Fahrenheit 451 - Ray Bradbury
39. Um Breve Carta Para um Longo Adeus - Peter Handke
40. Diário de um Génio - Salvador Dali
41. O Banquete - Sören Kierkegaard
42. A Interpretação dos Sonhos -Sigmund Freud

1.6.05

42 momentos na vida de um gajo de 30 e tal



  1. Quando levámos as calças rotas para o emprego
  2. Quando nem a gorda do baile quis dançar connosco
  3. Quando finalmente percebemos que Napoleão foram vários
  4. Quando finalmente percebemos que Césares foram, idem, muitos
  5. Quando nos damos conta que o pé-de-atleta vai-e-vem, mas não desaparece
  6. Quando nos rendemos ao gel de banho
  7. Quando a tendência homossexual passa a ser um potencial perigo para o viril
  8. Quando a miuda diz "sim" e a gente assina depois o papel
  9. Quando vemos a cabeça do rapaz a despontar e ouvimos a frase "o seu filho"
  10. Quando dizem que estão prontos para negociar a nossa saída
  11. Quando peguntamos porque não aproveitámos todas as quecas
  12. ...ou todas as ofertas de beijo
  13. Quando já não conseguimos ver o filme com o olhar romântico dos 18 ou 22
  14. Quando já nos apetece "uma cena" para "limpar a tola" e não um Buñuel
  15. Quando temerariamente adormeçemos em frente à D. Fátima Campos Ferreira
  16. Quando olhamos para o relógio da mesa de cabeceira, são 23h34 e vamos dormir
  17. Quando ficamos a ver um bocadinho do festival porque o Eládio nos leva à infância
  18. Quando já não achamos piada às músicas dos anúncios
  19. Quando nos aproximamos outra vez dos jogos de computador
  20. ...por causa do tédio
  21. Quando nos fartamos da TV e, por isso, passamos horas em frente ao PC
  22. Quando lamentamos o curso escolhido
  23. Quando reconhecemos que os pais tinham razão, não sabemos bem em quê
  24. Quando damos conta que a Carris tem carreiras que desconhecemos
  25. Quando olhamos com ternura para as camisolas de lã imbecis do final dos '70
  26. Quando percebemos que há gente nascida em 1986 já a trabalhar...
  27. ...e que há 20 anos andamos preocupados com Saltillo
  28. Quando Pediatra deixou de ser um horror e passou a ser uma despesa
  29. Quando nos tratam por "o senhor" e respondemos sem miar
  30. Quando dizemos "Fónix" e os putos ficam a olhar preplexos
  31. Quando nos lembramos do Saucedo no Sporting...
  32. ...e só nós é que nos lembramos
  33. Quando encontramos o boneco do Misha a dizer CCCP
  34. Quando passamos da avidez da Gina à selecção na Net
  35. Quando comprar a Playboy já não nos envergonha
  36. Quando pintar o cabelo não nos parece assim tão reprovável...
  37. ...e até achamos graça ao capachinho do Carlos do Carmo
  38. Quando os amigos gostam de Doors, King Crimson e Jethro Tull
  39. Quando decidimos finalmente parar no Jameson e não procurar mais
  40. Quando começamos a dizer que o tabaco anda a dar cabo de nós
  41. Quando o tabaco anda mesmo a dar cabo de um gajo
  42. Quando já vamos com três papas na memória